Pesquisar este blog

quarta-feira, dezembro 28, 2016

Poluição Sonora será combatida com rigor durante o jegue folia em Marcelino Vieira/RN


Com a intenção de reduzir drasticamente as queixas de vieirenses contra o alto volume de sons automotivos na cidade durante o “Jegue Folia”. O Ministério Público estadual, Polícias militar e civil, Prefeitura Municipal e donos de bares, reuniram-se no fórum da cidade, com a intenção de formar uma força-tarefa e combater em conjunto esse problema durante a realização da Micareta.

De acordo com informações do comandante da Companhia de Polícia de Alexandria, capitão Brilhante, durante a micareta são constantes as reclamações provocadas pela poluição sonora, dos "paredões de som" e som automotivo, na última edição em janeiro de 2016 provocaram prejuízos aos moradores em toda cidade, além de causar grande  mal à saúde, quedas de forros nas casas e de mercadorias das prateleiras nos comércios e outros prejuízos que ficaram para a população vieirense. A PM, nas palavras do capitão, não aceitará mais esse tipo de comportamento característico de alguns donos de paredões.

Só serão permitidos os paredões já previamente cadastrados e que atenderem as normas estabelecidas sobre o controle do volume de som. A PM não se limitará mais a pedir ao dono do veículo para desligar o som, mas apreender o veículo e o paredão de som encaminhando-os a delegacia de polícia. A partir da delegacia o Ministério Público adotará as medidas cabíveis a cada questão.

O capitão finalizou que parcerias entre as instituições são importantes para que a ação da PM tenha um efeito mais contundente na repressão a esse tipo de prática delituosa cometida por alguns, que incomoda a muitos.


Salientando que os sons só serão permitidos, o seu funcionamento a parti das 14h00 até o início do trio elétrico. Durante a passagem do trio e após o termino, fica terminantemente qualquer som que venha perturbar o sossego dos moradores vieirenses.

nossoparanarn

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Opine com responsabilidade sem usar o anonimato usando a Liberdade de Expressão assegurado pelo artigo 5º da Constituição Federal.

Liberdade de expressão é o direito de todo e qualquer indivíduo de manifestar seu pensamento, opinião, atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, sem censura, como assegurado pelo artigo 5º da Constituição Federal.

Governo define nova data para o ‘Enem dos concursos’; CNU será em 18 de agosto

  O Ministério da Gestão divulgou, nesta quinta-feira (23), a nova data para o Concurso Público Nacional Unificado (CNPU), que ficou conhec...