Pesquisar este blog

segunda-feira, setembro 21, 2015

Petrobras cortará 5 mil terceirizados e investirá menos


"Não dá mais para cortar na carne, agora é cortar no osso", resumiu um executivo da estatal, que pediu para não ser identificado

Diante da queda do preço do petróleo no mercado internacional, da alta do dólar, dos efeitos da Operação Lava-Jato e da perda do grau de investimento pela Standard & Poor’s, a Petrobras está refazendo as contas. A estatal pretende cortar terceirizados, investir menos do que o previsto e vender mais ativos para fazer caixa. Uma das metas é cortar 30% dos terceirizados ligados à área administrativa, o equivalente a 5 mil pessoas.

Segundo um dos principais executivos da estatal, a Petrobras já trabalha numa forte redução de investimentos com um ajuste em seu Plano de Negócios 2015-2019 em razão da piora do cenário.

Segundo informações do Extra, o investimento em 2015 será inferior aos US$ 27 bilhões previstos no plano. Em 2016, ficará abaixo dos US$ 25 bilhões anunciados, informa o executivo da estatal.

— Não dá mais para cortar na carne, agora é cortar no osso — resumiu um executivo da estatal, que pediu para não ser identificado.

Outra ação no horizonte da empresa é a venda de 25% das ações da BR Distribuidora, iniciativa que foi suspensa diante da piora do mercado.O conselho vai analisar de novo o assunto na reunião do dia 30.

Além dessas medidas, a empresa pretende reduzir em cerca de 30% o número de gerências, número que até o momento apenas aumentou. Em nota, a Petrobras informou que “a otimização das funções gerenciais se dará conforme o andamento do processo de reestruturação da companhia”.

Desde 2014 até agora, a empresa diminuiu drasticamente sua previsão de investimentos, se antes dos cortes adicionais em estudo, a Petrobras já havia reduzido US$ 90 bilhões de sua previsão para o período 2015-2019, agora a estimativa soma US$ 130,3 bilhões, o menor nível desde 2008, quando o plano para cinco anos totalizava US$ 112,4 bilhões.


A Petrobras, segundo um dos executivos, intensificará as buscas por um “investidor frio e profissional”, que enxergue o momento do país como oportunidade de investimento a longo prazo.


Noticiasaominuto

Governo define nova data para o ‘Enem dos concursos’; CNU será em 18 de agosto

  O Ministério da Gestão divulgou, nesta quinta-feira (23), a nova data para o Concurso Público Nacional Unificado (CNPU), que ficou conhec...